Serão selecionadas 170 pessoas para atuarem no apoio ao evento; inscrições vão de 23 de setembro a 4 de outubro e devem ser feitas on-line

Por: Estêvão dos Anjos - Jornalista

A Comissão Organizadora da 9ª Bienal Internacional do Livro de Alagoas publicou, na noite da última sexta-feira (13), o Edital de Processo Seletivo de Estudantes para atuarem como Monitores/ras no evento. Ao todo, serão selecionadas 170 pessoas regularmente matriculadas em cursos de graduação presencial da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e com carga horária de 60 horas disponíveis no período do evento. As inscrições serão abertas a partir do dia 23 de setembro e terão seu término no dia 4 de outubro.

Dessas vagas a serem preenchidas, 10 deverão ser ocupadas por pessoas que cursam Comunicação Social e Design, e outras 10 são destinadas a estudantes de graduação em Artes/ICHCA, além de 20 ofertadas a pessoas que cursam algum dos cursos técnicos disponibilizados pela Escola Técnica de Artes (ETA) da Ufal.

As monitoras e os monitores selecionados receberão R$ 300, após o período de realização da Bienal, além de certificado emitido pela Comissão Organizadora com a carga horária proporcional às atividades realizadas. Todas as atribuições dos/das monitores/ras estão no edital, bem como os critérios de avaliação, a disposição das vagas, o formulário de inscrição, os documentos necessários, além de outras informações.

Para acessar o edital, clique aqui.

A Bienal acontece de 1º a 10 de novembro de 2019, em Maceió, no histórico bairro de Jaraguá, em equipamentos culturais como o Arquivo Público Municipal, o Instituto Histórico do Patrimônio Artístico Nacional (Iphan), o Museu da Imagem e Som, a Associação Comercial e em espaços externos estruturados, como a Praça Dois Leões e a Praça 18 de Copacabana.